Jovens de diversas religiões se reúnem para discutir machismo, intolerância religiosa e direitos humanos

Ao contrário do que muitos pensam, o feminismo não precisa estar desvinculado da fé. É o que propuseram diversas jovens no primeiro encontro do movimento FÉministas, realizado no último sábado (13/04), em São Paulo. A atividade foi realizada por Católicas pelo Direito de Decidir em parceria da Koinonia Presença Ecumênica.

A reunião contou com a presença de católicas, evangélicas, judias e umbandistas e teve como pauta a presença do machismo nos espaços de fé, os impactos da intolerância religiosa, a situação dos Direitos Humanos na atual conjuntura política brasileira e a presença dos fundamentalismos religiosos nos espaços de poder.

“A iniciativa possibilitou a abertura de um espaço de diálogo e acolhimento entre mulheres de diferentes origens religiosas e sociais, sendo fundamental para o início da construção de um movimento interreligioso e plural”, afirma Bruna David, mestre em Ciência da Religião (PUC-SP) e ativista de Católicas pelo Direito de Decidir.

Para Tabata Tesser, socióloga e conselheira de Católicas, o primeiro encontro do movimento FÉministas acontece em um momento crucial de aprofundamento do ódio e do fundamentalismo religioso no Brasil. “Mulheres de diversas religiões, de diversos cantos da cidade, com diferentes histórias, se alinharam coletivamente para denunciar o machismo eclesial, o patriarcado religioso e pensar uma fé descolonizadora.”

O próximo encontro do movimento será realizado no dia 04 de maio (sábado), às 14h, na Rua do Carmo, nº 56, no bairro de Sé, em São Paulo/SP. Acompanhe nossas redes sociais para mais novidades.

Sobre o movimento FÉministas:

O FÉminismo é um movimento protagonizado por mulheres jovens de diversas religiões e que propõe a discussão sobre gênero e direitos humanos dentro das comunidades de fé. Se você é jovem de 18 a 29 anos, mulher cisgênero ou transgênero, católica, evangélica, espírita, judia, umbandista, candomblecista, muçulmana, budista ou de qualquer outra religião, este espaço é para você! A participação é totalmente gratuita e não há necessidade de inscrições.


#FÉminismo: 5 motivos de que é possível ser religiosa e feminista!

Author: catolicas01

Share This Post On