No Dia da Visibilidade Lésbica, Católicas pelo Direito de Decidir indica 5 títulos sobre o amor entre mulheres disponíveis na Netflix

meme-visibilidade lésbica 2018

 

A importância da visibilidade do amor entre mulheres é imensa para a militância por direitos das mulheres lésbicas e bissexuais. Filmes e séries são ferramentas importantes para iniciar conversas e debater sobre a liberdade e a luta em nome de ser, viver e amar como se bem entende. Abaixo, listamos alguns títulos que possam interessar neste dia de luta e resistência das mulheres lésbicas. Pegue a pipoca e aperte o play!

1) Flores Raras
O filme, lançado em 2013, conta com a atuação de Glória Pires no papel da arquiteta brasileira Lota de Macedo Soares. A trama, baseada numa história real, se passa em 1951 e narra o romance entre Lota e Elizabeth Bishop (Miranda Otto). Ambientado no Rio de Janeiro, o filme trata o romance de duas mulheres notáveis em suas áreas de atuação, que se encontram entre traumas familiares, arte e privilégios de classe.

2) Amor por Direito
Baseado em uma história real, “Amor por Direito” conta a trajetória do casal formado pela policial Laurel Hester, vivida por Julianne Moore, e a mecânica Stacie Andree, Ellen Page. Após receber o diagnóstico de uma doença terminal, Laurel quer que Stacie receba os benefícios incluídos na pensão da polícia na ocasião de sua morte. A partir daí, inicia-se uma luta pelo direito de Stacie e pelo reconhecimento do casal pelas autoridades.

3) Raio Negro
Apesar de não se tratar apenas do amor entre mulheres, “Raio Negro” vale muito a pena! Baseado nos quadrinhos de mesmo nome da DC Comics, “Raio Negro” é uma série da Netflix que conta com a personagem Anissa Pierce, uma estudante de medicina lésbica que, sob codinome Thunder, luta contra os vilões e protege sua comunidade.

4) Duck Butter
Duas mulheres se conhecem e criam o desafio de passar 24 horas explorando as dimensões sexuais do relacionamento entre elas em nome de se conhecerem mais profundamente.

5) Margarita com canudinho
Laila, uma jovem indiana com paralisia cerebral, decide estudar em Nova York. Lá, ela acaba se envolvendo em um relacionamento com Khanum, uma ativista paquistanesa com deficiência visual.

Confira também: Versos contra a lesbofobia – a voz e a luta de cinco poetas lésbicas brasileiras

Author: catolicas01

Share This Post On